Posse responsável. O que é?

Adotar um animal além de ser um gesto lindo de amor é uma atitude nobre, visto que em todos os lugares onde vamos existem centenas de animais abandonados, passando fome, frio e convivendo com situações de risco diariamente.

Porém, muitas vezes as pessoas adotam (ou adquirem) um animal por impulso ou falta de informação e se esquece que este animal é um ser vivo com características próprias e necessidades físicas e emocionais.

Para tomar a importante decisão de adotar (ou adquirir) um cão ou gato, o tutor deve estar ciente das seguintes situações:

O animal pode crescer. Caso adote um cão filhote, o dono deve saber que existe a possibilidade do animal ficar grande na fase adulto e ele precisará de um espaço maior onde ele possa se desenvolver.

Cada pet tem características particulares e o tutor deve estar preparado para lidar com elas. O animal pode ser calmo e tranquilo como também pode ser agitado, brincalhão, carente ou ansioso.

Gastos com vacinação e tratamentos de saúde em casos de doenças ou outras eventualidades. Sim, os animais são seres vivos e estão sujeitos a contrair vários tipos de doenças, portanto o cartão de vacinação deve estar sempre em dia para que tais doenças sejam evitadas e caso ele contraia alguma enfermidade, o dono deve estar preparado para custear os gastos com exames, consultas, remédios e internação.

Custo mensal com a alimentação do animal, se atentando da importância de oferecer uma ração de qualidade a ele.

Atenção/ Carinho. O animal doméstico tem necessidades emocionais além de físicas, portanto  precisa de cuidado e atenção e o tutor deverá estar disposto a gastar uma parte do seu tempo dando atenção a ele, seja passeando ou brincando.

Todos os moradores da casa devem estar de acordo com a posse do animal, caso contrário o animal pode sofrer com a falta de aceitação e na pior das hipóteses terá que mudar de lar.

Tempo de vida do pet. Cães e gatos tem expectativa de vida de mais ou menos 15 anos, logo, o dono deve estar ciente de que deverá ser responsável pelo animal durante todo o seu período de vida.

Viagem/ mudança de casa. A pessoa ao decidir ter um animal de estimação deve estar consciente de que o animal será um membro da família e deverá sempre se programar para que ele fique em um lar temporário durante a viagem e que tenha espaço para ele na casa nova.

O animal é um ser irracional. O cão e o gato tem capacidade de aprender diversos comandos e ensinamentos, mas ainda assim ele não é humano e não se comportará como tal. O pet late, faz suas necessidades fisiológicas várias vezes ao dia, pode pular nas visitas, fazer sujeira, morder móveis e objetos, entre outras coisas. Portanto, o tutor deve estar preparado para cuidar e amparar o animal na alegria e na tristeza.

Gostou da #dicadaracoesrabelo ?
Qualquer dúvida, entre em contato conosco. ⤵️

📞(31)3417-4848
📲(31)9.7145-6315
💻www.RacoesRabelo.com.br
📍Rua Dr. David Rabelo, 749 – Alípio de Melo, BH/ MG