Cuidados Essenciais com Animais Idosos

A Rações Rabelo vai tirar todas as suas dúvidas sobre os cuidados necessários com os animais idosos.

Cães e gatos idosos tendem a ficar mais tempo deitados, pois não apresentam mais a vitalidade de antes. Devido a isso, o tutor deve tomar alguns cuidados importantíssimos, que são:

Cuidado especial com as articulações do animal, pois como o pet passa muito tempo na mesma posição, ele pode acabar desenvolvendo dores nos “cotovelos”, que pode ser amenizada com o cuidado de sempre deixa-lo deitar em locais macios, como colchonetes. Além disso o animal pode desenvolver doenças como artrite e artrose, então é importante fazer com que ele não pule de locais altos. O tutor pode colocar uma “escadinha” caso o animal tenha o costume de descansar no sofá ou na cama.

Outra atenção que deve ser tomada é com a alimentação dos nossos amigos peludos. Porque naturalmente eles irão ganhar peso devido ao sedentarismo e ao metabolismo que desacelera nesta fase. Então caso o pet não diminua o consumo de ração espontaneamente, o tutor deve dar uma quantidade controlada de comida a ele e não deixar a ração exposta ao longo do dia. O dono pode optar também por comprar uma ração especializada para cães idosos, que são as chamadas Rações Sênior, que são mais macias e mais “lights” que as rações comuns.

Os animais idosos tendem a sentir mais frio, então, se anteriormente eles não tinham um local quentinho para ficar, agora deverá ser providenciado. Se o pet tinha costume de ficar do lado de fora da casa, o tutor deve pensar na possibilidade de trazê-lo para dentro, pois além de aquecido, ele ficará muito feliz em fazer parte do convívio dos moradores mais de perto. Caso não seja possível, o dono deve fornecer ao animal uma casa de madeira ou outro material, que o proteja do vento e do frio, e poderá colocar um colchonete ou edredom para ajudar a aquecer o animal. Caso o animal já fique dentro de casa, pode ser providenciada uma caminha com cobertor, para os dias mais frios.

Com a idade avançada os animais acabam perdendo a visão e a audição, então devem ser tomadas algumas providências para que o animal não se machuque, como tampar piscinas, cercar varandas e escadas e evitar trocar os móveis de lugar, pois os animais decoram a disposição dos móveis para que seja possível se locomover sem colidir com nenhum objeto.

Além de tudo é importante que o cão idoso tenha acompanhamento de um médico veterinário, devendo fazer exames periódicos a cada 6 meses.

Gostou da #dicadaracoesrabelo ?
Qualquer dúvida, entre em contato conosco. ⤵️

📞(31)3417-4848
📲(31)9.7145-6315
💻www.RacoesRabelo.com.br
📍Rua Dr. David Rabelo, 749 – Alípio de Melo, BH/ MG